Evolução e compreensão do ser humano

Por Ana Paula Medeiros

Imagem: Acervo pessoal.

Se fossemos capazes de entender a dor do outro, de considerar que por trás de todo o ser humano existe uma história que desconhecemos, não julgaríamos!

Se refletíssemos que não nos cabe o direito de julgar, mas que podemos tentar nos colocarmos no lugar do próximo, nos tornaríamos pessoas melhores.

Se tivéssemos empatia e a capacidade de ajudar outra pessoa evoluir, talvez o mundo se tornasse um lugar melhor.

Pode até parecer utopia um mundo onde as pessoas tenham compaixão e ao invés de criticar, acolha o próximo para evoluir junto, mas esse seria o meu desejo.

Respeito e tolerância, julgar cabe a Deus. Muitos seres humanos não são capazes de amparar e acolher os seus familiares, como teriam o poder de julgar?

Eu sonho, desejo e sempre vou lutar pelas pessoas que cruzarem o meu. Não sou um ser perfeito, mas estarei em progressão eterna!

Ana Paula Medeiros é formanda em Letras pela Universidade Federal do Pampa.

Comentários
  1. Luciana
  2. Hrowardclous
  3. Josephunero

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Junipampa